Ciências Humanas

INFORMAÇÕES GERAIS

sábado, 26/11/2011, 0:00h
-

-

[+]

Pierre Fatumbi Verger: do olhar livre ao conhecimento iniciatico

Lançamento na Primavera dos Livros, com Jérôme Souty

Pierre Fatumbi Verger: do  olhar livre ao conhecimento iniciático

Jorge Amado escreveu certa vez que Pierre Verger (1902-1996) “de tão extraordinário, parece uma invenção”. De fato, a trajetória do fotógrafo francês é bastante singular. Aos trinta anos, deixou Paris, sua cidade natal, para descobrir o mundo, libertar seu olhar e se afastar de seu meio familiar e cultural. Fotógrafo e viajante, desenvolveu uma curiosidade por outras formas de viver que o levou muito além da fotografia.

Os cinquenta anos que dedicou às pesquisas sobre as culturas negras do Brasil e da África, especialmente na Nigéria e no Benim, fizeram com que se tornasse etnólogo, botânico e historiador e o levaram a desenvolver um conjunto de saberes que o fizeram uma espécie de embaixador entre os dois continentes, restituindo laços rompidos pela escravidão. Homem da imagem que custou a enveredar na escrita, acabou por escrever obras etnográficas definitivas, em que registrou a riqueza e a especificidade dessas culturas e de sua oralidade. O itinerário singular e o método de trabalho original permitiram que ele recolhesse um material artístico, documental e científico notável.

Este livro, que se aproxima de um estudo biográfico, é mais que uma análise da produção científica e artística de Pierre Verger ou uma reflexão geral sobre a originalidade de sua experiência. Ao narrar os passos dessa vida-obra, o antropólogo francês Jérôme Souty interroga com profundidade a etnologia, seu valor e seus limites, e contribui para a renovação dos métodos e para a reconsideração dos objetivos da antropologia.

Para comprar o livro, clique aqui.

Sobre o autor

Jérôme Souty, é francês nascido em Copenhague, em 1971. Viveu em Paris até 2004, quando se mudou para o Rio de Janeiro. Doutor em antropologia social (EHESS, 2005) e pesquisador em antropologia urbana e contemporânea na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ/FAPERJ), é também autor do livro La Rencontre des Cultures (Le Cavalier Bleu, Paris, 2011) e membro do comitê de redação da revista Brésil(s) (Éditions MSH).

Comentar | Compartilhar

BIBLIOFRANÇA

Portal do livro francês no Brasil, Serviço de Cooperação e Ação Cultural da Embaixada da França

ESCRITÓRIO DO LIVRO

Sediado no Consulado da França no Rio de Janeiro, faz a promoção do livro francês no Brasil e concede apoio aos profissionais do livro e da leitura

BIBLIOTECA

Biblioteca, espaço de leitura, debate e reflexão

21.3974.6669

Av. Presidente Antonio Carlos 58, Centro, RJ – Brasil

[+]